Telefones: (11) 4702-3854  |  (11) 4702-4526  |  Celular: (11) 98311-6075
Spécialité Diagnóstico Veterinário

Radiologia Digital

A radiologia consiste na mais antiga e difundida técnica de diagnóstico por imagem. Na medicina veterinária, o exame radiográfico é sem dúvida o principal método de imagem utilizado na avaliação de afecções osteoarticulares e intratorácicas. Através dele é possível diagnosticar diversas doenças, listar diagnósticos diferenciais e indicar a necessidade de outros métodos de imagens complementares.

A avaliação radiográfica também pode fornecer informações sobre afecções abdominais, pois permite uma imagem panorâmica do abdômen, como em casos de ingestão de corpos estranhos, herniações, tenesmo, obstruções intestinais, torções gástricas e cálculos vesicais radiopacos, entre outros.

O desenvolvimento tecnológico e a obtenção das imagens radiográficas pelo método de digitalização permitiram uma maior precisão e qualidade dos exames, em um menor tempo de execução, o que minimiza o stress gerado pela manipulação do paciente.
Ainda assim, há a necessidade da interpretação adequada dos sinais radiográficos, que somada aos aspectos clínicos do caso, fornece informações importantes ao diagnóstico, além de avaliar a evolução da doença e seu prognóstico.

Para a realização de exame radiográfico simples não é preciso nenhum preparo especial do paciente, a menos que haja a necessidade de sedação do animal, em que o jejum alimentar e hídrico é solicitado.

Exame radiográfico contrastado
Neste procedimento são utilizados meios de contraste, iodados ou de bário, com o objetivo de melhor visualizar estruturas que apresentam pouca definição nas radiografias simples.
Entre os exames contrastados mais comuns estão o esofagograma, o trânsito gastrointestinal, o enema de bário, a urografia excretora e a uretrocistografia.
Deve-se ter atenção para o preparo do paciente antes da realização do exame radiográfico contrastado, sendo que cada um possui características e necessidades diferentes.

Para maiores informações sobre preparo do paciente e orientações gerais, clique aqui.